Que tal uma sopa ou um caldo rápido e fácil de fazer para repor as energias?

Neste inverno nada melhor do que consumir uma sopa bem quente para aquecer e reconfortar o corpo. Além de ser uma ótima opção no inverno, é uma preparação prática e rápida até para quem não sabe cozinhar e para quem não tem tempo de se dedicar a cozinha. Você pode aproveitar e combinar os alimentos que sobram na geladeira e fazer uma sopa bem nutritiva ou mesmo um caldo saboroso. Os ingredientes são variados, contudo, é preciso tomar cuidado com alguns, como os embutidos (bacon, costelinha, calabresa), creme de leite, queijos, óleos e gorduras, pois podem elevar as calorias. Por ser nutritiva, é uma ótima opção para crianças, pois fornece aqueles alimentos que normalmente as crianças não gostam de comer como carnes, legumes, verduras, e ainda pode ser acrescido além destes, arroz, feijão, massas, algumas até de letrinhas e outras de desenhos, tornando-se uma refeição divertida para a criançada.
A sopa é basicamente um líquido aromatizado, apresentando inúmeras variedades: caldos simples, claros e concentrados, creme de queijo, purês de vegetais, caldos grossos e fortes, cremosos, salgados e doces, quentes e frios.
A sopa como conhecemos é um preparado europeu, em Roma, inicialmente pastoril, a sopa sobe de classe e acaba chegando ao imperador. Nero não dispensava um caldo morno de alho poró, para proteger suas cordas vocais. Fortemente condimentadas, eram sempre de um colorido forte conseguido com especiarias, ervas, legumes ou amêndoas.
Já o consomê, de origem francesa – consommê é um caldo fino clarificado, concentrado de carne, aves, peixes ou legumes, servido geralmente no início da refeição. Em geral é consumido quente, podendo também ser frio. O consomê é base para sopas claras pode ser acrescido de creme de leite fresco, gemas ou amido para tomar uma consistência um pouco menos líquida.
O nome sopa deriva do verbo alemão suppen (orver) que se tornou suppe e originou a soup inglesa, zuppa italiana, a soupe francesa e a sopa portuguesa.

Uma ótima opção para aquecer nesse inverno, é essa sopa de abóbora com cardamomo, principalmente para quem pratica atividade física e quer controlar o peso, pois a abóbora possui triptofano; fibras; vitaminas A, E, C e complexo B; minerais zinco, cálcio, fósforo, ferro e potássio, e promove a saciedade.
O cardamomo é uma especiaria originária da índia, sua planta é da família do gengibre, possui propriedades anti-sépticas, digestivas, diuréticas, expectorantes e laxantes. É considerado afrodisíaco.

Tome nota e inclua no seu caderno de receitas, pois o seu preparo é muito rápido e fácil…

Consomê de abóbora com cardamomo

Ingredientes:aboboracardamomo

500 gr de abóbora
1 cebola
1 dente de alho
1 xícara de café de creme de leite (opcional)
1 colher de café de cardamomo em pó
Azeite de boa qualidade
Sal

Refogar a cebola picada e o alho passado no espremedor em um pouco (fio) de azeite. Juntar a abóbora cortada em cubos e deixar refogar uns minutos. Acrescentar um pouco de água (apenas para cobrir a abóbora) e deixar ferver 15 minutos. Quando a abóbora estiver cozida bata no liquidificador ou com mixer, volte à panela, deixe ferver mais um pouco e adicione o cardamomo e o sal (a gosto). Decore com salsinha bem picada. Sirva quente, acompanhada de torradas ou croutons integrais, e se preferir queijo parmesão ralado.

Rendimento: 2 porções
Tempo de preparo: 30-40 min.
Calorias: 70 calorias por porção (com abóbora moranga)
100 calorias por porção (com abóbora cabotiá e abóbora paulista)
Obs: o valor das calorias é sem o creme de leite, com o creme de leite acresce em torno de 50 calorias por porção.

Dicas:
• Para reduzir as calorias, se optar pelo creme de leite usar o light ou cream cheese light, e ainda ao invés de refogar os temperos e legumes no óleo, adicionar diretamente na água, e deixar cozinhar.
• Para tornar a sopa proteica, você pode fazer um caldo de frango e cozinhar o tempero e os legumes nele, ou ainda adicionar uns pedaços de carne de boi magra ou mesmo peito de frango em cubos ou desfiado (já cozidos).
• Para quem não consome carne, uma ótima opção é adicionar quinoa em grãos na sopa ou creme.
• Você também pode armazenar em potes apropriados individuais e congelar, para consumo posterior, principalmente para quem não tem tempo ou pratica na cozinha. É só descongelar no micro-ondas ou lembrar de retirar do congelador e colocar em refrigeração na noite anterior ao consumo, e reaquecer no dia.
• O consomê ficará mais gostoso se você colocar fatias finas de limão, cobertas com salsa picada, no fundo do prato e despejar o caldo quente por cima.
• As sopas são ótimas opções também no verão, servindo caldos frios, conhecida como Gaspacho, é uma sopa fria à base de hortaliças, com destaque para o tomate, o pepino e o pimentão, muito popular no sul de Portugal.

E aí gostou? Essa é a primeira receita do Nosso Diário de Treino, se você fizer, dê sua opinião ou se você tiver alguma receita legal que faça parte de seu treino compartilhe conosco…até a próxima… 

sopa

Anúncios

7 pensamentos sobre “Que tal uma sopa ou um caldo rápido e fácil de fazer para repor as energias?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s